Sting fala sobre sua lesão

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


O site da WWE publicou uma entrevista com Sting, sobre a lesão que ele sofreu durante o Night of Champions. Abaixo estão os destaques.

Você já pode esclarecer para todos a extensão da sua lesão, ou você ainda está esperando uma avaliação adicional?
Eu apaguei no hospital — completamente apagado. Eles tinham me colocado um colar cervical e estavam me dando medicação para que eu não sentisse dor. Eu tive que fazer um exame de ressonância magnética e uma tomografia. Eles foram falar com a minha esposa e ela me deu os detalhes, mas eu ainda terei mais avaliações. Eles mencionaram estenose espinhal (estreitamento do canal espinhal, comprimindo a medula espinhal e nervos), mas isso é apenas parte do que eu ouvi. Eu não sei se há algo mais. O doutor disse para minha esposa “Ele vai ter que tratar isso. Ele tem sorte de ter saído de lá andando.”
Até este ponto, qual o seu prognóstico, entre curto prazo e longo prazo?
Direto ao assunto, eu estava com formigamento nos dois braços, até a ponta dos dedos. E então, mais tarde na luta, eu senti algo errado, o que quer que seja, e isso [o formigamento] passou também para as pernas. e eu não conseguía sentí-las. Elas pareciam feitas de borracha. Eu não sei como descrever. Eu fiquei no chão por um minuto e me recompus. Eu estava um pouco... eu estava preocupado. A longo prazo, bem, eu vou cuidar do curto prazo primeiro e ver como o longo prazo funcionará,
Você tem ideia de quando exatamente aconteceu a lesão durante a luta?
Oh, sim, definitivamente. Foram nas duas vezes no canto. Na primeira vez houve um rebote. [pausa] Foi minha culpa, fim da discussão. Eu sei disso. Na segunda vez, eu fui jogado em direção ao canto e eu pensei “Bem, aquilo não vai acontecer uma segunda vez,” e aconteceu. A segunda vez foi pior.